Consórcio, uma maneira inteligente e economica de comprar!

O segmento de consórcios bate recordes de vendas a cada ano. Mais e mais brasileiros estão comprando o seu imóvel, automóvel, motos ou adquirindo serviços graças as vantagens de não pagar juros e pelas facilidades da compra programada que o consórcio proporciona.

1

Um sistema Confiável e Seguro

Mais de 7 milhões de pessoas participam de consórcios em todo o Brasil. É um investimento seguro e a forma mais econômica e inteligente de você realizar os seus planos. Fiscalizado pelo Banco Central do Brasil, mais garantia e segurança para você.

Como Funciona o Consórcio?

O consórcio é a forma de poupar em grupo. Um sistema de compra planejada, que reúne pessoas, que querem adquirir um bem ou um serviço. No consórcio, você paga uma parcela mensal menor do que os financiamentos convencionais, pois não há juros. A administradora é responsável por gerir todo o processo, por este serviço ela cobra somente uma taxa de administração fixa, que é diluída durante o todo período.

2

Adesão ao Plano de Consórcio

Para aderir a um plano de consórcio, o consorciado escolhe o produto, o valor do crédito e o plano desejado e adquire uma cota e passa a integrar um grupo, formado por pessoas físicas ou jurídicas com o objetivo comum de adquirir um bem, seja ele móvel, imóvel ou serviço. O grupo estabelece as características e a duração do plano.

Pagamento das Parcelas

O crédito total da cota é parcelado no prazo de pagamento do plano. Periodicamente, os consorciados pagam suas parcelas, que formam o saldo de caixa para contemplar seus integrantes ao longo da vigência do grupo.

3

Contemplação

É o momento mais esperado, pois é quando o consorciado pode usar o crédito para realizar a sua aquisição. As contemplações ocorrem nas assembleias mensais, transmitidas ao vivo pela Internet e podem ser realizadas de duas formas: por sorteio, do qual participam em iguais condições todas as cotas adimplentes do grupo, e por lance, que é um percentual que o consorciado pode ofertar para aumentar suas chances de contemplação. O lance vencedor pode ser pago com recursos do consorciado ou com o próprio crédito da cota (conforme características do plano). Após análise de documentações, o crédito será liberado.

4

Aquisição do bem

Com o crédito contemplado, o consorciado pode escolher o bem que deseja adquirir, dentro da categoria do seu grupo (móvel, imóvel ou serviço). A carta de crédito equivale a dinheiro à vista, por isso, o consorciado tem maior poder negociação. A partir daí, ele deve continuar seus pagamentos até o encerramento do plano.

5

Encerramento do plano

É quando o consorciado encerra seus direitos e suas obrigações com o grupo, ou seja, teve o crédito do seu consórcio disponível e quitou todas as suas parcelas.

6

Escolha certa!

Abaixo, falamos sobre a importância de fazer uma escolha certa da melhor empresa de consórcio, assim como os pontos mais relevantes que precisam ser levados em consideração antes de adquirir um consórcio.

Fique atento as seguintes questões!

Antes de escolher uma empresa de consórcio, é essencial que o consorciado tome conhecimento do contrato e verifique seus direitos e deveres junto à administradora. Todas essas informações estão presentes nas cláusulas do contrato a ser assinado. Por isso, o ideal é tomar ciência antes da assinatura, para que possa estar mais seguro sobre o consórcio. A proposta de adesão, chamada de preâmbulo, deve conter todas as informações da cota, com seus dados cadastrais e também as informações do bem que está sendo comprado. É preciso informar desde a taxa de administração até o prazo contratado e o crédito adquirido. Toda administradora é obrigada a entregar o regulamento no ato da venda e esclarecer todas as dúvidas do contratante. Esteja atento a itens como prazos, valores, possíveis reajustes, parcelas lineares ou decrescentes.
Outra dica relevante é prestar atenção no vendedor e conferir se ele é um profissional com conhecimento para fazer uma boa negociação. E, ainda, se é um representante oficial ou vendedor de uma administradora autorizada. É fundamental que ele seja certificado por empresa autorizada, para que tenha o direito de atuar em seu nome. Isso evitará possíveis prejuízos para o cliente. E atenção, não há como assegurar um prazo fixo para a contemplação. Se algum vendedor disse isso a você, entre em contato com a Central de Relacionamento da administradora. Como a contemplação no sistema de consórcio ocorre mediante o sorteio da cota na assembleia, não há como saber quando você será contemplado. Além disso, os lances são sigilosos, não há como garantir se a sua será ou não a oferta contemplada..
É fundamental encontrar uma empresa com solidez e credibilidade para a realização de um negócio mais seguro. Cabe ao Banco Central do Brasil a fiscalização do Sistema de Consórcios. No site da instituição é possível encontrar informações sobre as administradoras de consórcios, tais como quais são as empresas autorizadas, quais estão impedidas de constituir novos grupos e quais possuem maior número de reclamações. Ter atendimento rápido é um ponto bastante positivo nesse sentido. Sendo assim, busque por empresas que ofereçam opções de atendimento digital através da Internet ou de aplicativos de gestão de cotas (Apps) e tambem empresas que tenham centrais de atendimento próprias, o que confere um atendimento personalizado. É fundamental ter canais eficientes para assessorar o interessado em fazer consórcio e em esclarecer dúvidas posteriores. Isso é algo relevante em todas as etapas do consórcio, inclusive após a contemplação do cliente.
A capacidade financeira do consorciado é muito importante para garantir que ele faça o melhor negócio, sem comprometer seu equilíbrio orçamentário. Mais do que simplesmente vender, é preciso fazer um levantamento de perfil e encontrar a opção mais confortável para o consumidor. Para isso, o cliente precisa conhecer bem a sua capacidade financeira de investimento, a fim de se planejar para adquirir um investimento futuro. É preciso se planejar para destinar um orçamento mensal ao consórcio, seja para imóvel, automóvel, moto ou serviço. O indicado é que o investidor não ultrapasse 30% da renda mensal total.

Simule as Parcelas
Sem Juros

O que você deseja adquirir?

Arraste o valor do crédito desejado:

Simule as Parcelas
Sem Juros!

Preencha os dados abaixo: