Carros Novos: Lançamento em setembro do New Fiesta

Consórcio de Automóveis: Lançamento em setembro do New Fiesta

Por 1consórcio
Publicado em: 20/08/2010

Antes que você pergunte se quem comanda a Ford pirou, leia com calma. E eu até entendo a sua indignação. O Fiesta acabou de ser reestilizado e nem deu tempo de ver todas os reclames em que o ator Marcos Palmeira mostra testes sobre quanto o carro virou objeto de desejo. E agora lá vem outro Fiesta Sedan descendo para cá, produzido no México, na planta de Cuautitlán. Mas este homônimo, além de ganhar o adjetivo New antes do nome, traz consigo um “quê” superior que o irmão brasileiro nunca ousou demonstrar.

E mesmo que você tenha comprado um Fiesta Sedan ontem, não se desespere, este aqui vai levar uns três anos para substituir o seu. Você deve é ficar lisonjeado de o mercado brasileiro receber a novidade quase ao mesmo tempo que os americanos — por lá chegou em junho, aqui começa em setembro. “O Brasil está no radar global de operações da Ford, por isso um carro mundial como o Fiesta chega tão cedo por aqui. É um país cada vez mais importante para o grupo”, ressalta Antônio Baltar Jr., gerente nacional de marketing da Ford.

No Brasil, ele quer se encaixar em uma faixa de mercado que engloba os sedãs compactos premium top de linha — que, aqui entre nós, não vendem muita coisa —, os sedãs médios mais baratos, como Kia Cerato e Fiat Linea, que partem de R$ 53 400 e R$ 57 450, respectivamente, e, especificamemente, o Honda City. O sedã chega ao Brasil em três versões. Começa em R$ 49 900 (sem ABS nem airbags), vai a R$ 51 150 com ABS e chega a R$ 54 900 na top de linha, como a da foto, que vem com sete airbags, ABS e bancos revestidos de couro.

Faça uma Simulação

Você pode adquirir casa, carro ou moto pagando parcelas mensais sem juros.

Ver Planos

O que deseja?

Consórcio de Imóveis Escolha o Produto