Comprar Casa: Lançamentos de imóveis serão mais concentrados no 2º semestre

Comprar Casa: Lançamentos de imóveis serão mais concentrados no 2º semestre

Por 1consórcio
Publicado em: 26/05/2010

O setor imobiliário deve bater recordes históricos de vendas, produção e faturamento em 2010, como resultado da grande procura das famílias e do aumento da renda do brasileiro após a crise.

Mas esse resultado só vai ser visto entre os meses de julho e dezembro, período que responde por praticamente dois em cada três lançamentos imobiliários. Dados do Secovi-SP (sindicato do setor imobiliário do Estado) mostram que, em 2009, das 35.832 unidades vendidas (quase 3.000 a mais que o previsto), cerca de 9.000 saíram nos últimos dois meses.

A Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio) diz que mais de um terço fica sempre concentrado nos últimos meses do ano.

Com tamanha euforia no mercado, as construtoras vêem com bons olhos a realização de outro feirão na segunda metade do ano. A Caixa não comenta o assunto.Fábio Rossi Filho, diretor de lançamentos da Itaplan, diz que o mercado está acostumado com um volume menor de vendas nos primeiros seis meses. Por isso, a construtora trabalha com 45% de lançamentos no primeiro semestre e 55% no segundo.

Tem unidades que são remanescentes, trabalhadas durante o primeiro semestre, e só acabam sendo lançadas no segundo. Assim também ocorre com as do segundo semestre que refletem no primeiro do outro ano.

O diretor-geral da Living, construtora do grupo Cyrella, Antonio Guedes, vê como posição estratégica essa atitude da Caixa em lançar seu evento entre maio e junho. O efeito do feirão agora no primeiro semestre é muito positivo, porque estamos quase no meio do ano. Ele ajuda a vender o estoque que foi lançado no fim do ano e ainda absorve os produtos que eu ainda vou lançar daqui a dois ou três meses.

O programa do governo "Minha Casa, Minha Vida" criou facilidades importantes para que as pessoas investissem na compra da casa própria. Quase todas as faixas de renda de imóveis cresceram em vendas. Estamos vivendo uma economia estável com controle de inflação, e isso é muito importante para o setor.

Segundo ele, a economia está crescendo e as pessoas ficam mais confiantes para investir em imóvel, podendo realizar o sonho da casaq própria a partir da compra a vista, financiamento, consórcio de imóvies, ou pelo programa.

Faça uma Simulação

Você pode adquirir casa, carro ou moto pagando parcelas mensais sem juros.

Ver Planos

O que deseja?

Consórcio de Imóveis Escolha o Produto