Comprar Imóvel: Dicas e cuidados na compra de imóveis

Comprar Imóvel: Dicas e cuidados na compra de imóveis

Por 1consórcio
Publicado em: 22/12/2010

Fim de ano chegando e muita gente aproveita o dinheiro extra, como o 13º salário e as bonificações, para dar entrada num financiamento, adquirir ou quitar a casa própria. No entanto, antes de fazer qualquer negócio, é importante estar atento para não cair em “armadilhas”. A Associação Nacional dos Mutuários e Moradores alerta para os problemas mais comuns.

No financiamento imobiliário, o futuro mutuário deve ficar atento às taxas de juros cobradas pelos agentes financeiros. Sabe-se que a principal fonte de recursos para a habitação no País tem origem no Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), cuja verba é repassada aos bancos a juros de 3%.

O problema é que esse mesmo valor é repassado aos mutuários a juros de até 12,5%. “As prestações poderiam ser menores se os bancos tivessem realmente uma preocupação com o social e não buscassem apenas o lucro”, alerta o presidente da ANMM, Décio Esturba. É importante lembrar que a elevada taxa de juros atinge cerca de 90% dos mutuários do Sistema Financeiro de Habitação (SFH).

No caso dos imóveis usados, deve-se estar atento, primeiramente, se ele ainda está ocupado quando se adquirir um financiamento. A explicação é que, muitas vezes, são colocados em leilão imóveis ainda habitados e isso pode ser problema no futuro. É comum o banco colocar em leilão um imóvel porque o mutuário não conseguiu pagar as prestações, mas que ainda está morando nele. “O novo proprietário pode ter que entrar com ação de despejo e contar com a decisão judicial para poder morar no imóvel que comprou”, alerta Esturba.

Usar FGTS para amortizar o Consórcio de Imóveis:

Como os trabalhadores agora podem utilizar o saldo das contas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para abaterem ou quitarem os consórcios imobiliários, a orientação é que ajam com cautela na hora de pedir a liberação do recurso. Isso porque, antes de pagar, o mutuário precisa saber se a cobrança que recebe está correta, pois há muitos juros embutidos. “O ideal é fazer uma revisão de todo o cálculo para saber se está pagando o valor correto”, diz Esturba.

 

Faça uma Simulação

Você pode adquirir casa, carro ou moto pagando parcelas mensais sem juros.

Ver Planos

O que deseja?

Consórcio de Imóveis Escolha o Produto