Posso usar o FGTS para a compra de imóvel com consórcio?

Conheça as opções e entenda como é possível utilizar o seu FGTS para amortizar ou quitar o seu consórcio de imóvel.

Por 1consórcio
Publicado em: 02/07/2020 | Atualizado em: 02/07/2020

Muito se fala sobre a compra de imóvel utilizando o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), benefício concedido a todo trabalhador registrado no regime CLT. Assim como nos financiamentos bancários, a facilidade também está disponível no sistema de consórcios e é um grande aliado para quem busca mais vantagens na hora de comprar a casa própria.

O FGTS é uma reserva formada a partir de depósitos mensais que o empregador deve fazer em uma conta bancária na Caixa Econômica Federal em nome do empregado. A quantia de cada depósito corresponde a 8% do salário do empregado mais as gratificações e correções referentes ao mês anterior. Os valores depositados nesta conta pertencem ao funcionário e só podem ser retirados em ocasiões específicas, uma delas é a compra de imóvel para moradia. Neste caso, o valor pode ser destinado a compra ou construção do imóvel, para a quitação de dívidas no Sistema Financeiro Habitação ou para pagar uma parte do valor das prestações de financiamento habitacional.

Utilizando o FGTS no consórcio de imóveis

Veja como é possível utilizar o seu FGTS para a compra de imóvel através do consórcio:

Quem já foi contemplado com a carta de crédito e já adquiriu o imóvel pode aproveitar o FGTS para amortizar ou quitar seu consórcio.

No entanto, a carta de crédito do consórcio não pode ter sido utilizada para aquisição de imóvel comercial, terreno dissociado de construção, reforma ou liquidação de financiamento habitacional já de titularidade do trabalhador. A regra estabelecida pela Caixa Econômica Federal é de que o imóvel adquirido pelo consórcio seja residencial urbano, registrado em cartório com data da aquisição em nome do titular da conta.

Os requisitos do imóvel e os requisitos do trabalhador são determinados também pela Caixa e as informações completas podem ser consultadas no Manual da Moradia Própria.

Amortizar ou liquidar saldo devedor

É possível abater parte do saldo devedor do consórcio. Por exemplo: se o consorciado tiver um saldo devedor de R$ 50 mil e R$ 30 mil de recursos do FGTS, ele poderá usar a quantia para amortizar a dívida, ficando com um saldo devedor de R$ 20 mil. Também é possível liquidar seu saldo devedor, zerando sua dívida se o consorciado obtiver o valor total do seu saldo devedor, no caso do exemplo acima, os R$ 50 mil de recursos do FGTS.

Quem tem mais de uma cota de consórcio também pode utilizar o FGTS para amortização ou quitação, desde que todas as cotas tenham sido utilizadas na aquisição de um único imóvel. Vale lembrar que as prestações do consórcio devem estar em dia na data da utilização.

Outra vantagem, é a possibilidade de fazer essa operação a cada 2 anos, uma “ajudinha” a mais para a quitação de seu saldo devedor.

Fale com a sua administradora

As operações para a utilização do FGTS são realizadas diretamente pela Administradora de Consórcios. Converse diretamente com a 1consórcio e conheça todas as possibilidades para sua aquisição através do consórcio de imóveis.

Sobre a 1consórcio

A 1consórcio é uma administradora de consórcios com mais de 40 anos de experiência no segmento e já entregou mais de 122 mil bens. A empresa faz parte de um dos maiores grupos empresariais do Brasil, o grupo Coimex.

Faça uma Simulação

Você pode adquirir casa, carro ou moto pagando parcelas mensais sem juros.

Ver Planos

O que deseja?

Consórcio de Imóveis Escolha o Produto